MANTENÓPOLIS – CARNAVAL NA CONTRAMÃO DA SEGURANÇA

0
3

Diversos municípios do estado do Espírito Santo, a maioria deles com grande tradição na promoção das festas carnavalescas, estão cancelando os eventos de carnaval em razão da instabilidade de segurança pública vivida pelo Estado.

Até as 12h deste sábado (18), dezessete cidades já haviam cancelado a folia: Alegre, Alfredo chaves, Anchieta, Cachoeiro de Itapemirim, Conceição da Barra, Divino de São Lourenço, Domingos Martins, Guaçuí, Iconha, Irupi, Itapemirim, Mimoso do Sul, Muqui, Piúma, Presidente Kennedy, Santa Leopoldina e Vargem Alta.

A medida é em virtude da crise vivida pela segurança pública no Estado, o que inviabiliza a plena segurança de moradores e turistas durante o carnaval de 2017. As Prefeituras pedem a compreensão de todos e afirmam que a decisão é a mais prudente diante da situação ainda vivida no Estado do Espírito Santo.

Transitando na contramão da segurança, o pequeno município de Mantenópolis situado no extremo noroeste do estado do Espírito Santo, na divisa com o extremo leste de Minas Gerais resolveu promover uma grande festa de carnaval no presente ano, com ampla publicidade dando conta de que o festejos de carnaval são promovidos por uma possível empresa especializada no ramo com o apoio da prefeitura municipal.

A prefeitura ainda não se manifestou oficialmente afirmando ou negando o referido apoio oficial para aquele evento. Conforme está sendo comentado, inclusive, nas redes sociais há quem negue o apoio do município mas há quem o afirme.

Em razão da estranha situação que se estabeleceu na cidade com demonstração de perplexidade da população em seus comentários nas redes sociais, o Ministério Público Estadual, através de sua Promotoria de Justiça em Mantenópolis decidiu instaurar inquérito civil público visando apurar a situação, com a identificação de quem esteja realmente promovendo aquele evento e também verificar se aquela promoção está observando a regulação legal, bem como apurar eventual responsabilidade de quem venha causar possível dano à sociedade.

Os cartazes de veiculação de publicidades não identificam ninguém que esteja responsável pelo evento. Outra situação estranha também é que os cartazes de publicidade do evento chamado “Carnafolia Mantenópolis 2017” estão anunciando entrada franca, mas não especificam onde será o local dos festejos.

Organismos de segurança pública tais como as Policia Civil e Policia Militar, nada sabem informar sobre o evento e os responsáveis por sua promoção.

Conforme se constata da Portaria número 001/2017 da promotoria de justiça de Mantenópolis que instaurou o referido inquérito civil público para apuração dos fatos, também o Ministério Público desconhece quem sejam os promotores daquele

evento e também desconhece se a prefeitura municipal de Mantenópolis esteja dando apoio oficial ao mesmo. Em um dos cartazes de promoção consta que a prefeitura municipal de Mantenópolis está dando apoio oficial ao evento e em outro material publicitário chega a constar o brasão do município simbolizando a oficialidade do evento denominado “Carnafolia Mantenópolis 2017”.
A verdade é que grande parte da população se encontra perplexa e altamente preocupada com o que pode ocorrer, pois como se sabe, todo e Estado do Espírito Santo passa por uma grande crise em gerenciamento de segurança Pública e embora já esteja ocorrendo retorno da Polícia Militar às suas atividades normais, não se pode garantir que o evento tenha a devida segurança.

Veja a seguir o inteiro teor da PORTARIA de instauração de inquérito civil público através da Promotoria de Justiça de Mantenópolis. PORTARIA MPPGMTMANTICP Nº. 0012017

CONTATO: neurymar8@gmail.com

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here